terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Desejos

Photo by Paulo Cheng 

Desejo, contemplar cada por do sol, como uma dádiva única provinda das mãos do Criador do universo


Desejo, relacionar-me com todos, e vislumbrar que cada ser humano possui algo de belo e sublime dentro de si
Desejo, abraçar a sabedoria, enamorar a literatura, flertar com a erudição, o conhecimento aprofunda fossos no amago de nosso entendimento



Desejo, contemplar o sorriso melífluo e pueril de uma criança, e me convencer de que a pureza e a inocência ainda se conservam intactas em cada olhar infantil


Desejo, mergulhar na oração, submergir na devoção, e afundar na santidade, e crer que, há um Deus que nos criou e que deseja se relacionar para com a sua criatura de forma transparente e unilateral


Desejo, me apaixonar a cada dia, reviver o amor à primeira vista, reacender a flama do amor intenso, e me casar diariamente com a mulher no qual desposei, e que hoje me completa em tudo


Desejo, me inebriar com entorpecer da música, em embevecer com a ternura da melodia, me extasiar com brandura das notas, a música tem o poder de extrair do cerne de nossa alma as emoções mais intensas e viscerais


Desejo, descer do pedestal da vaidade, me desprender das amarras do egoismo, me desvencilhar dos tentáculos da empáfia, a altivez e a soberba precedem a queda, e a arrogância conspira contra a humildade


Desejo, encarar a vida como uma aventura insólita, como uma competição derradeira, como uma dádiva imerecida, a vida é um dom, e a cada momento que vivenciamos, estamos escrevendo uma história única, singular, que deixará um legado para os que nos circunda, e que contribuirá para forjar o nosso futuro.



Paulo Cheng

2 comentários:

  1. Gostei dos teus desejos tão lindamente expressos! abração, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir

Olá queridos, você está em meu site, o paulocheng.com, um espaço onde eu escrevo e posto minhas impressões, meus devaneios, minhas inspirações e sandices, desde já agradeço pelo acesso, lembrando que você não é obrigado a comentar, pois não há uma obrigatoriedade ou imposição, caso você não ache interessante ou esteja com preguiça, não tem problema, o que quero aqui é o prazer acima de qualquer coisa, e não obrigatoriedade, ok? Que Deus possa te abençoar em Cristo Jesus.