terça-feira, 31 de dezembro de 2013

In(certezas) do ano vindouro: 2014 (Happy new year for us!)

A cada final de ano e iminência de um novo ano, renovamos as nossas esperanças e nutrimos expectativas em relação a mais um ano que se inicia. Projetamos para o ano seguinte as ações ou planos frustrados do ano anterior, recomeçar é a palavra de ordem, ano novo, novos projetos, recomeços, enfim, tudo novo.


Sempre ficamos suspensos numa atmosfera de incertezas nos dias que se aproximam, começar um novo ano é renovador, porém nos submerge em interrogações inquietantes. Não sabemos o que nos espera num novo ano, por mais que façamos planos e tracemos projetos, não saberemos se daremos cabo deles, pois a vida é repleta de imprevisibilidades, e na esteira dos acontecimentos, bons e maus momentos estão reservados para todos nós, incondicionalmente.

Neste novo ano de 2014, a única certeza que tenho é a minha fé em um Deus que está no controle de todas as coisas. Ele pode mudar situações, operar milagres, sobrenaturais, alterar rotas preestabelecidas pelo homem, enfim, quando o Criador de todas as coisas age, tudo muda de forma majestosa. Mas sabendo que Deus pode todas as coisas, não vou me omitir de fazer a minha parte, não vou transferir para o divino aquilo que compete a eu mesmo fazer, seja em qualquer âmbito, farei aquilo que está em meu alcance, e aquilo que foge aos meus domínios, com certeza o Criador do Universo saberá o momento certo para fazer, segundo a sua eterna e sapiente vontade.

Neste texto de fim de ano, depois de longos meses sem escrever, devido a problemas pessoais e a falta de tempo e inspiração, quero retomar a minha rotina de compartilhar aqui minhas impressões e externar meus sentimentos através da escrita. 2013 foi um ano delicado pra mim, porém, sabedor do Deus que alimenta a minha pequena fé, retroalimento as minhas esperanças em um novo ano repleto de coisas boas em minha vida, assim como na sua vida também caro leitor, creio que Deus conhece o nosso intimo, perscruta o âmago de nossa alma e sabe de nossas intenções, assim como Ele tem o maior prazer em suprir as nossas necessidades.

Quero adentrar o ano de 2014 orando a Deus para que este novo ano seja um ano abençoado, isso não quer dizer que ele venha ausente de problemas ou situações desagradáveis, mas que Ele esteja na direção de nossas vidas, e que os nossos planos, ações e toda a nossa vida esteja debaixo de Sua potente mão, e que tudo que nos acontecerá está debaixo de Sua vontade, lembrando que Ele nos ama incondicionalmente, e sente prazer em nos abençoar. Que Deus nos abençoe neste novo ano de 2014.



Paulo Cheng

3 comentários:

  1. Paulo, que em 2014 possamos continuar mantendo esse contato por aqui. E mais, poder desfrutar das belas publicações suas nesse espaço. Tudo de bom para você e família no ano que chegou. Um grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande PC, estava com saudades de vc e de seus comentários, estou voltando aos poucos a escrever no blog, e pretendo voltar a escrever como antes, e que neste ano Deus nos abençoe e nos dê sabedoria e garra para vivermos intensamente. Um grande abração pra ti amigo.

      Excluir
  2. Na prática é só uma mudança de mês, de algarismo... mas psicologicamente é um recomeçar... melhorar o que não tava bom, e continuar de forma mais positiva o que deixamos pela metade.

    Paulo, que teu 2014 seja melhor do que 2013, mas ainda não tão bom quanto 2015! Abração em ti e na esposa!!!!

    ResponderExcluir

Olá queridos, você está em meu site, o paulocheng.com, um espaço onde eu escrevo e posto minhas impressões, meus devaneios, minhas inspirações e sandices, desde já agradeço pelo acesso, lembrando que você não é obrigado a comentar, pois não há uma obrigatoriedade ou imposição, caso você não ache interessante ou esteja com preguiça, não tem problema, o que quero aqui é o prazer acima de qualquer coisa, e não obrigatoriedade, ok? Que Deus possa te abençoar em Cristo Jesus.