segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

A new beginning

Enfim mais um ano, e com ele a renovação de novas esperanças, sonhos, projetos e desejos. O ano que passou se esvaiu em vitórias e frustrações. No primeiro domingo do ano, dia 1, fui escalado para trazer uma mensagem em minha comunidade cristã à noite, a igreja Presbiteriana em Olinda, e na pauta da minha reflexão abordei a necessidade de nos engajarmos em metas, projetos, objetivos, sonhos, todo ser humano precisa além de sonhar, trabalhar para que seus anelos se concretizem, pois o homem que não tem objetivos e metas não vive, vegeta.

Mas não é fácil a concretização de qualquer meta ou propósito. Não basta somente sonhar e desejar, há mais mistérios entre o desejo e a realização do que supõe a nossa vã filosofia. Algo que devemos ter em mente, em primeiro lugar se chama a perseverança, não adianta colocarmos tudo no papel, darmos início e não termos perseverança para concluir, não há pódio sem luta. Outro ponto fundamental é termos sabedoria para agir no momento certo de acordo com as circunstâncias, também não adianta só termos perseverança e vontade, mas sabedoria e prudência para agirmos na hora certa é imprescindível.



Também destaco algo importante, como não somos senhores do nosso destino, temos que estar conscientes de que as imprevisibilidades da vida surgem abruptamente em nossas vidas mudando a rota de nossos planos sem nos questionar, o amanhã pertence a Deus, é Ele quem tem na palma de suas mãos o destino da humanidade. Creio que algumas situações em nossas vidas é causa direta da vontade de Deus, é a Sua vontade soberana que atua em nossas vidas, também creio que outras situações é a atuação de Deus aliada à nossa, e também há outras situações onde só depende exclusivamente de nós com a permissão de Deus.

As situações que são responsabilidades direta e exclusiva de Deus são aquelas que fogem ao nosso alcance, é o impossível que somente Ele pode efetuar, outras são uma ajuda que Ele nos dá e deixa a outra parte, que está ao nosso alcance para efetuarmos, mas naquilo que depende de nós, com certeza Deus não vai fazer, pois se temos condições de realizar, então cabe a todos nós fazermos.

A Bíblia fala da Lei da Semeadura, ou seja, aquilo que o homem plantar, certamente colherá, se ele plantar coisas boas, colherá coisas boas, mas se plantar coisas ruins, certamente colherá péssimas coisas, então muito do que vai acontecer conosco nesse novo ano dependerá do que fizermos agora ou do que fizemos lá trás, e de acordo com isso, não poderemos reclamar de coisas ruins que nos acontecerá, pois fomos responsáveis diretamente pelo que aconteceu. Neste novo ano, espero colher bons frutos, como colhi no ano que passou, mas sei que muito do que acontecerá em minha vida, depende do que eu plantar agora, e nisso vou me esmerar com afinco, tenho planos que desejo realizar neste ano, outros que não se realizaram no ano passado, mas uma coisa tenho certeza, independente do que venha a acontecer, já coloquei todos os meus sonhos e metas na presença de Deus para que ele me conceda graça, forças e sabedoria para trabalhar, e se alguma frustração sobrevier em meus planos, não vai ser por falta de trabalho, pois vou estar com a consciência tranquilo de que tudo aquilo que estava em meu alcance eu tentei fazer. No mais, desejo que neste novo ano, possamos lutar por todos os nossos ideais, e que se eles, ou boa parte deles não se realizar neste ano, que possa ser concluido em 2013, 2014, 2015...

Welcome 2012!!!

Paulo Cheng


15 comentários:

  1. Paulo, amigo de fé!
    Tudo bem? Como está sendo o início do ano? Espero que ótimo!

    Por incrível que possa parecer, creio que a gente meio combinou as postagens rsrs fiz uma crônica "Revolução das Flores" que alguns atribuíram a inspiração a Lei da Semeadura, e creio que instintivamente acabei escrevendo mesmo sobre ela.

    Amigo, muito bem-escrito! Esperança, perseverança, que você tão bem marcou no texto, e o livre arbítrio, sob à LUz Divina, para nos dar força na continuidade da caminhada, não é mesmo?

    Grande abraço para ti e a Michel!
    Tudo de melhor para vocês.

    ResponderExcluir
  2. Entre tantas frases da Bíblia a que eu mais gosto é a que Jesus diz o seguinte: "Seja quente ou seja frio, não seja morno senão eu te vomito".

    Jesus nos ensinou a sermos partidário de algo, a errar pela gente e não ficar em cima do muro, não tomarmos decisões e esperar acontecer.

    Digo isso, pq corroboro do que tu disse. Temos que ir atrás, temos que plantar, semear e não ficar esperando que os pássaros espalhem a nossa semente pelo campo.

    Nem sempre acertamos nas nossas escolhas, mas o importante é escolhermos.

    Grande abraço!

    ----
    Site Oficial: JimCarbonera.com
    Rascunhos: PalavraVadia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Que lindo e gostei do tema escolhido para a mensagem na tua igreja.

    Tema apropriado e bem colocado.

    Temos metas, planos e temos que saber que percalços ocorrem nessa caminhada pra nos desviar deles.Mesmo assim, temos que ser fortes e saber enfrentar desafios.

    Desejo que teu 2012 seja lindo e, certamente, estaremos juntos por aqui!

    abração,chica

    ResponderExcluir
  4. Hahahahahhahahahaha essa frase do Jim aí eu nunca ví na Biblia não, hahahahahhahaha.

    Paulão tudo bem meu irmãozim marélim?
    Rapaz, mais um ano que vamos passar juntos com uma amizade cada vez mais fortalecida! Que bom!

    Gostei muito do texto mano, ele nos leva a refletir sobre a nossa parte nos milagres da vida... Esperar tudo de Jesus é muito cômodo né?


    Um abraço a você e a Michel e vê se fabrica um nenezinho esse ano pra ele ficar da idade do Samuca e os dois serem amigos pra sempre também!

    Fica com Deus meu amigo!

    ResponderExcluir
  5. Macedo da Silva, Natal, RN.

    Caro Paulo, um belo texto para iniciarmos o ano bem motivados, todos devemos sim termos metas e projetos, mas como vc bem colocou no teu texto, entre ter metas e alcançá-las há um longo caminho a ser percorrido, e isso demanda esforço, empenho e perseverança. Tenho meus planos para esse ano de 2012, mas sei que não será tão fácil assim, mas vou correr atrás.

    Um bom 2012 pra você e toda a sua família.

    ResponderExcluir
  6. Fala Paulo!
    Seu texto realmente nos leva a pensar e refletir bastante.
    A parte que mais me chamou atenção está no começo do último parágrafo. Conheço tanta gente que planta coisas ruins, mas se recusa a dizer que planta e quem acaba colhendo são todos #fato.

    Eu passei meu fim de ano bem, espero que tenha passado também.
    Desejo igualmente ao cubo para você!
    Abaração

    ResponderExcluir
  7. Olá, Paulo, apesar de não ter religião e não ler a bíblia, concordo plenamente com o que vc disse a respeito de colocarmos nossos planos em ação… isso é muito importante e, certamente, nada fácil! Tenho tentado ser sempre perseverante. As adversidade estão aí, porém é importante tentar não se deixar abalar e seguir na tentativa de concretizar. Uma das coisas que lutei muito para conquistar foram meus dois concursos(sou professora). Um que passei em 2007 e tomei posse de imediato e outro que passei em final de 2009 e fui chamada há pouco mais de 10 dias. Foi então que uma amiga me disse há alguns dias(via mensagem, me parabenizando) que eu sou "arretada", que quando encuco com uma coisa, vou até o fim. Ela estava falando isso, pq afirmou que nunca prestou concurso por medo da "derrota", de não classificar… aí ela se comparou comigo dizendo que eu era determinada, estudava e me empenhava, enquanto ela "empurrava com a barriga". Mas, expliquei para ela que demorei para chegar nesse patamar. Eu sempre tive medo de não conseguir. Por muito tempo tive medo do não. Sério mesmo!! Aquela coisa de não saber se conseguiria lidar com a frustração da tal derrota(qdo prestei vestibular na UFG, há pouco mais de dez anos, eu tive crises de ansiedade e por medo de não conseguir passar, quase desisti de fazer a prova…detalhe, faltava pouco tempo para fecharem os portões. Marido, que na época era namorado, foi o grande salvador da pátria e me acalmou. No final, tudo deu certo e eu passei!). Foi então, que depois de tanto lutar com meus medos aprendi a lidar com eles. Me tornei mais forte e determinada! Não foi fácil e sei que há muuuuiiiiito ainda para evoluir. Tenho alguns planos para 2012 e espero conseguir com que os projetos saiam do papel.

    Sobre seu comentário lá no blog, então, vc tá de férias tbem!? Que coisa boaaaa… ahhhh, eu estou aproveitando para colocar a leitura e filmes em dia. Mas, estou num "corre, corre" danado. Obrigada pelos votos sinceros de sucesso em meu ano de 2012. Que nossa parceria siga firme e forte…
    bjksJoicySorciere => Blog Umas e outras...

    ResponderExcluir
  8. Paulo, suas observações são perfeitas e suas palavras nessa abordagem são coerentes com o que nos propõe a vida e as coisas que circundam ela. Um grande abraço meu amigo. Bem-vindo a 2012.

    ResponderExcluir
  9. Visitei seu blog, e dou-lhe os parabéns. Gostava que fizesse parte dos meus amigos na Verdade Que Liberta, se seguir meu blog siga de forma a que eu possa seguir também o seu blog. Desejo para si e para seus familiares um Ano-Novo cheio de saúde e união na graça de Jesus. Um abraço.

    ResponderExcluir
  10. Olha... gostei demais de tudo que vc escreveu e concordo plenamente. Muita das vezes traçamos metas e projetos, porém não temos nosso destino nas mãos. Acontecerá de acordo com nossos esforços e, princpalmente, com a vontade de Deus.
    Creio nisso tb, semeando coisas boas, é só esperar pra colher!
    BeijO grande e 2012 de sucesso pra nós!

    evesimplesassim.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Ae Chengão, tudo blz por aí?
    Poxa, valeu por você ter curtido meu cosplay da Misa. Vou repetí-lo num evento desse mês, porém com outra roupa e uma peruca com franja..ou seja, espero ficar um pouco mais parecida rs. Sim, com certeza vamos dar continuidade á essa amizade bloguilística (esse termo existe?) nesse ano de 2012...e em muitos outros anos!
    Eu também espero que esse ano seja um repleto de realizações pra ti e pra tua esposa!
    bjs

    ResponderExcluir
  12. Paulo, tudo bem?
    Só para esclarecer, o mérito daquela ideia é do Dedé Mansim.

    Grande abraço, amigo!
    Ótimos dias :)

    ResponderExcluir
  13. Boa tarde Paulo!!!

    Que bom passar aqui pelo teu web espaço e me deparar com este post maravilhoso. Posso falar sobre o assunto com o conhecimento empírico,pois é experimentei isso na prática e da pior forma possível... 2010 não foi um bom ano, terminei-o cheio de derrotas e frustrações, eu não queria de forma nenhuma que 2011 fosse parecido e foi ai que encontrei a minha solução, abortei todas as metas, tentei viver de acordo com o vento e então quando chegou o final de 2011 eu me deparei com algo ainda pior do que aquilo que eu havia experimentado no ano anterior, eu me deparei com um vazio, pois é eu não estava vivendo estava vegetando... Hoje, após bastante reflexão, eu tenho uma visão diferente, eu não preciso vencer a qualquer custo, não tenho que ser aquilo que a sociedade m cobra, mas também não posso abrir mão e meus sonhos, ainda que a caminhada pelo deserto seja longa...

    http://www.sublimeirrealidade.blogspot.com/2012/01/insustentavel-leveza-do-ser-o-livro.html

    ResponderExcluir
  14. Um feliz ano novo brother!
    Que Deus abençoe grandemente a vc e a sua família

    Um abração do koiote!

    ResponderExcluir

Olá queridos, você está em meu site, o paulocheng.com, um espaço onde eu escrevo e posto minhas impressões, meus devaneios, minhas inspirações e sandices, desde já agradeço pelo acesso, lembrando que você não é obrigado a comentar, pois não há uma obrigatoriedade ou imposição, caso você não ache interessante ou esteja com preguiça, não tem problema, o que quero aqui é o prazer acima de qualquer coisa, e não obrigatoriedade, ok? Que Deus possa te abençoar em Cristo Jesus.