sábado, 24 de setembro de 2016

A antissocialidade das redes sociais

Imagem extraída da internet 
Um mundo conectado e globalizado, o final do milênio passado e início dos anos 2 mil foram decisivos para uma transformação sem precedentes nas comunicações de massa, a internet encurtou as distâncias, aproximou pessoas, deixou obsoleta e aposentou as demais formas de comunicação, criou redes sociais, e com isso, a promessa de relacionamentos mais acalorados e de qualidade não se sustentou, frustrou-se.

domingo, 11 de setembro de 2016

O Céu e o Inferno habita em nós



Imagem extraída da internet
Hoje, 11 de setembro de 2016, faz exatamente 15 anos que o mundo presenciou um dos mais tenebrosos capítulos da história da humanidade, de forma atônita, o mundo todo assistiu ao vivo um dos maiores atos terroristas de que se têm notícia, no qual alguns terroristas muçulmanos arremeteram dois aviões contra as torres do World Trade Center, fora mais dois aviões que se despedaçaram nos arredores do Pentágono e da Casa Branca, eventos que marcaram a humanidade de forma indelével.

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Estou envelhecendo...

O tempo é inexorável, implacável, é sagaz, se esvai melíflua e sorrateiramente, e com ele, também o acompanhamos, a vida segue por trilhos implacáveis, possui ciclos ininterruptos, começo, meio e fim, e atônitos e impotentes, assistimos de camarote o espetáculo da vida se diluir ante os nossos olhos, e presenciamos perplexos as cortinas se fechando, e o sol da existência se pondo lentamente, estou envelhecendo...

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Realidade virtual, interação cibernética e a idiotização do ser humano

Imagem extraída da internet
O ser humano é complexo, sua capacidade de raciocínio e pensamentos são, paradoxalmente, sublimes e grotescas, pois oscilas entre o brilhantismo e a obscuridade. Foi através de mentes brilhantes e pensantes que os maiores avanços, tanto tecnológico, literário, artístico e humano foram concebidos, através dos séculos, e todas as benesses que adquirimos hoje, provêm de pessoas que usaram sua intelectualidade de forma sadia e produtiva, e devemos isso primordialmente á Deus, que nos legou essa engenhosidade criativa que é o nosso cérebro.