sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Prazeres gratuitos.

Sempre nos perguntamos o que é preciso para sermos felizes, para aproveitarmos a vida de maneira sábia, como remirmos o nosso tempo de forma a sermos mais práticos, enfim, muitos procuram a felicidade em coisas grandiosas, em empreendimentos megalomaníacos, no dinheiro, mas será mesmo que, para extrair prazer na vida necessitamos comprar, amealhar patrimônios, ganhar o mundo, ou podemos sim viver de forma satisfatória nos pequenos eventos da vida?

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

A Política e o meu desencanto.

Imagem extraída da internet

Vivemos em um país democrático, bem, em alguns aspectos, democracia esta que, através do sufrágio, podemos escolher os nossos representantes e, ao mesmo tempo, nos tornarmos um, basta se candidatar, conseguir um número suficiente de votos e pronto, quatro anos usufruindo das benesses do Governo, com um salário poupudo, muito acima da média do povo brasileiro, regalias, horário flexível, enfim, o sonho de todo canditado a político, e para aqueles que lá já estão, uma verdadeira guerra de titãs para se sustentarem por lá, através da reeleição, acho que vale muito á pena se reeleger...

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Todas as faces do face.

Imagem extraída do face
As redes sociais trouxeram em sua esteira muitas facilidades e comodismos, interação, encurtamento de distâncias, reencontro de amigos antigos, oportunidade de ampliar o ciclo de amizades, enfim, inúmeras possibilidades de interações e facilidades nos relacionamentos, mas, diante destas facilidades todas, como as pessoas têm se comportado nesta rede social que dominou o mundo e a aproximou gregos e troianos?

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Inveja: um sentimento corrosivo!

Imagem extraída da internet
A humanidade é um misto de pessoas de índole muito distintas, quando olhamos ao nosso redor, nos damos conta do quão diferentes são as pessoas, suas ações, seus gestos, suas intenções, suas ações, e nessa diversidade, conseguimos diferenciar quais destas pessoas agem de forma leal, honesta, solidária, enfim, com sentimentos louváveis, já outras pessoas, de forma diametralmente oposta, agem de forma a prejudicar a outras, e dentre tantos sentimentos nocivos no qual tais pessoas cultivam, um em especial as torna vis: a inveja.